escarpa

Porção de relevo alcantilado que, muitas vezes, se estende, retilínea ou sinuosamente, por grande extensão na forma de despenhadeiros ou penhascos verticalizados.

A formação de escarpas, ou escarpamento, pode ocorrer por vários processos, tais como:
- erosão diferencial entre rochas com erodibilidade diversa;
- regressão lateral de escarpamento como em mesas e cuestas;
- deslocamento entre blocos de falhas geológicas de gravidade atingindo a superfície do terreno e originando escarpa(s) de falha expondo a superfície do plano de falha como escarpa; observar que o relevo mais elevado corresponde ao bloco elevado ou muro da falha;
- retomada da erosão ao longo de uma região de falha com a ocorrência de maior desbaste em um dos blocos com rochas mais suscetíveis à erosão, originando uma escarpa de linha de falha; observar que neste tipo o lado mais elevado não é, necessariamente, o muro da falha e que o plano de falha foi exposto por erosão.

[Ver fault scarp no site Visual Glossary do USGS]

 

Autor: Winge,M.]
Home page Glossário Geológico