falha 

Superfície de fratura de rochas em que ocorre ou ocorreu deslocamento relativo entre os dois blocos de um lado e de outro desta superfície que tende a ser plana, mas pode ser curvilínea. 

Falhamento é o processo geológico em que se produz uma falha e é causado por tensões nas rochas e camadas geológicas de forma desde muito localizada até de extensões continentais.
Saliências e asperezas devidas a blocos mais resistentes no plano de falha dificultam o deslocamento dos blocos, podendo provocar terremotos locais ao ser liberada a tensão rapidamente.
As falhas podem ser ativas, quando tem sofrido um ou mais deslocamentos nos últimos milhares de anos, ou inativas.
Como outros planos geológicos, o plano de falha tem uma atitude, definida pela direção e mergulho atuais que não são necessariamente os mesmos da época do falhamento pois o conjunto pode ser basculado e deformado após a falha ter se formado.
Exceto nas falhas verticais ou de deslocamentos horizontalizados (=direcionais), distinguem-se:
teto da falha, bloco acima do plano de falha, e
muro da falha, bloco abaixo do plano de falha.
O deslocamento dos blocos no sentido e distância define o rejeito da falha.
De acordo com o rejeito, as falhas podem ser classificadas em:
- falha de rejeito direcional ou transcorrente (strike slip fault)-os blocos deslocam-se, predominantemente, segundo a direção da falha;
- falha de rejeito de mergulho (dip slip fault)- os blocos deslocam-se perpendicularmente à direção (segundo o mergulho) da falha;  e
- falha de rejeito oblíquo - os blocos deslocam-se obliquamente à direção e ao mergulho da falha.
As falhas de rejeito direcional podem ser dextrógiras ou levógiras; no primeiro caso, os blocos deslocam-se para a direita entre si e no segundo caso, para a esquerda, tomada a refêrencia da direção do plano de falha.
As falhas de rejeito de mergulho e de rejeito oblíquo, de acordo com o movimento relativo, podem ser:
- normais
ou de gravidade (teto desloca-se no sentido do mergulho) e
- inversas ou de empurrão
(teto desloca-se por sobre o muro).
De acordo com o ângulo de megulho do plano de falha durante o falhamento as falhas são de grande ângulo (50o a vertical), ângulo médio (30 a 50o) e de baixo ângulo (<30o).
Falhas podem ser registradas na superfície da terra como  escarpas ou como linhas ou traços de falhas entre outras feições.

[Ver traço de linha de falha em  AGI- Earth Science World Image Bank ]
[Ver fault no site Visual Glossary do USGS]
[Ver Active Fault no site Visual Glossary do USGS]
[Ver left-lateral fault no site Visual Glossary do USGS]
[Ver right-lateral fault no site Visual Glossary do USGS]

 

Autor: Winge,M.]
Home page Glossário Geológico