Tétis
[Inglês: Tethys]

Oceano mesozóico de águas quentes, tropical, formado com o rifteamento do supercontinente Pangea, e que separava durante o Mesozóico os supercontinentes Laurásia, ao norte, e Gondwana, ao sul.

Na mitologia grega Tétis era a esposa de Okeanos e mãe de divindades e ninfas marinhas. Cinturão marinho com águas quentes, tropicais-subtropicais, dividindo os continentes em dois principais grupos, um ao sul e outro ao norte.
A designação Tétis para este mar circumplanetário foi dado por Suess (1893; 1900) apud Ekman (1953) e Masse (1992).
Durante toda a era mesozóica e o Eoterciário o mar de Tétis (Neotétis) foi de considerável tamanho. O conceito biogeográfico de Tétis cretáceo (Kauffman, 1973) tem larga correspondência com o domínio Mesogée de Douvillé (1900) apud Philip (1982) e Masse (1992). O conceito biogeográfico de um “Megatétis mesocretáceo”, incluindo o Atlântico Sul primitivo, foi apresentado em Dias-Brito (2000).

[Ver situação das massas continentais e oceanos há 260Ma e 240Ma no site Earth Science World Image Bank - AGI]

 

[Autor: Winge,M.; Colab. Dias-Brito,D.]
Home page Glossário Geológico