zona metamórfica

Região ou faixa de um terreno metamórfico, delimitada por isógradas, apresentando um determinado grau de metamorfismo correspondente a determinadas condições termodinâmicas limites.

As zonas são designadas pelo aparecimento de minerais índices; por exemplo, para fácies metapelíticas em graus de metamorfismo crescente: z. da clorita, z. da biotita, z. da granada, z. da cianita, z. da sillimanita.
Em metamorfismo regional, os termos epizona, mesozona e catazona, apesar de considerados obsoletos pelo fato de referirem-se, essencialmente, a profundidades em que se realizou o metamorfismo, ignorando a noção de gradiente geotérmico, ainda são, por vezes, utilizados:
- epizona: zona mais superficial do metamorfismo dínamo-termal com a formação de ardósias, filitos e xistos finos;
- mesozona: zona intermediária com a formação de rochas metamórficas como xistos, anfibolitos e gnaisses finos;
- catazona: zona profunda do metamorfismo regional,onde se formam gnaisses, granulitos, pioxênio anfibolitos com reações metamórficas de desidratação significativa da rocha.

 

[Autor: Winge,M.]
Home page Glossário Geológico