PROPOSTA de SÍTIO GEOLÓGICO DO BRASIL PARA REGISTRO NO
PATRIMÔNIO MUNDIAL(WORLD HERITAGE COMMITEE - UNESCO)

COMISSÃO BRASILEIRA DE SÍTIOS GEOLÓGICOS E PALEOBIOLÓGICOS
(DNPM-CPRM-SBG-ABC-SBP-IPHAN-IBAMA-SBE-ABEQUA)

PROPONENTE - Joaquim das Virgens Neto

Endereco: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Centro de Ciências Exatas e da Terra
Departamento de Geologia
Natal-RN
Telefone: (084) 94187779; 234-3345
Data da proposta: 8/abril/2004


1.Sugestão de AUTOR(ES) para eventual descrição detalhada do sítio:  
Joaquim das Virgens Neto - dasvirgens@yahoo.com.br ;
Vanildo Pereira da Fonseca - vanildo@geologia.ufrn.br 
Reinaldo Antônio Petta - Petta@geologia.ufrn.br ;
Thomas Ferreira da Costa Campos - tcampos@geologia.ufrn.br
Kleberson Porpino - kporpino@yahoo.com.br
Francisco William da Cruz Junior - cbill@usp.br;


2.NOME do SÍTIO :   SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO


3. TIPO DE SÍTIO: ____[X]Espeleológico _______[]Paleontológico ______[X]Geomorfológico

[ ] Paleoambiental ____[ ]Ígneo ______________[]Sedimentar ________[X]Metamórfico

[ ] Mineralógico ______[ ]Estratigráfico _______[X]Tectono-estrutural ___[ ]Metalogenético

[ ] História da Geologia [ ]Astroblema _________[ ]Outro:___________________________

[ ] Marinho-submarino______________ Obs.[X]Inclui vestígios arqueológicos


4. LOCALIZAÇÃO

4.1. Município(s)/UF:  Martins / RN
4.2. Lat/long(centro da área):  06o10'00"S - 37o50'00"W
4.3. Nome do local:
  diversos distritos do município (Faz Picos, Faz Salva Vidas, Umarizeira)


5. JUSTIFICATIVAS para a inclusão como PATRIMÔNIO MUNDIAL:

Na região, ocorrem algumas das mais representativas cavernas em mármore do Estado do RN. A maior delas, a Casa de Pedra, é a terceira maior caverna do Brasil em mármore e a maior do estado em volume interno. na cavernas foram feitas escavações descobrindo-se muitas ferramentas líticas e em seu entorno foram encontrados ossos humanos atribuídos a indígenas pré-colombianos.

No mesmo grupo litológico, existem diversas outras cavernas que possuem espeleotemas bem preservados que devem ser protegidos da ação depredatória do homem face ao crescente desenvolvimento turístico da região, a qual conta com cachoeiras e belas trilhas ecológicas.


6.BREVE DESCRIÇÃO DO SÍTIO:

A área proposta engloba não somente as cavernas em mármore, como trilhas ecológicas e cachoeiras. A principal caverna da área é a Casa de Pedra, a qual possui um importante potencial arqueológico e histórico, apesar da mesma encontrar-se bastante degradada pela ação depredatória. outras cavernas bem conservadas existem em outros montes de mármore as quais encontram-se bem conservadas devido a sua dificuldade de acesso. As cavernas não possuem grande desenvolvimento, raramente atingindo os 100m, a exceção da Casa de Pedra que possui um desenvolvimento de 300m, porém com belos espeleotemas preservados em algumas delas.

Os montes de mármore, assim como quase toda a área, possui um aspecto montanhoso com trechos íngremes, cujo topo encontra-se o platô arenítico da Serra do Martins, um importante centro de "peregrinação" ecoturística do estado do RN. São encontradas também cachoeiras, mirantes, locais propícios para a prática de vôo livre e Rappel.

Algumas peculiaridades geológicas são encontradas no tocante ao desenvolvimento da plataforma sul-americana desde o pre-cambriano até o terciário principalmente.

Foi nesta área que o proponente (Joaquim das Virgens) desenvolveu seu Relatório de Graduação, descobrindo estreita relação entre a ação da água nas fraturas, soerguimento do terreno e formação do sistema de cavernas.


7. SITUAÇÃO ATUAL DE CONSERVAÇÃO E ÓRGÃO RESPONSÁVEL P/PROTEÇÃO:

Atualmente, o sítio encontra-se em excelente estado de preservação, a exceção da caverna da Casa de Pedra que encontra-se deteriorada, porém com chances de recuperação. A área vem sendo explorada para o eco-turismo de forma crescente e uma ação concientizadora deve ser necessária para evitar maior impacto nas área.

De: Emanuel Teixeira de Queiroz [mailto:Emanuel@dnpm.gov.br]
Enviada em: terça-feira, 6 de julho de 2004 11:37

Assunto: RE: Propostas pendentes

Sítio "Sistema de Cavernas da Serra do Martins e seu Entorno" Preferiria, antes, ver a avaliação de Mylène Berbert e Clayton Lino. Mas, em princípio, considerando tratar-se de proposta de sítio no qual se destaca a 3ª maior caverna, em mármore, do Brasil, aprovo. Não se enquadra em Geoparque (?)

Emanuel


De: Joaquim das virgens [mailto:dasvirgens@yahoo.com.br]
Enviada em: sexta-feira, 10 de junho de 2005 01:34
Para: Manfredo Winge; Mylène Luíza Cunha Berbert-Born
Assunto: SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO

Caro Manfredo,

gostaria de pedir a aprovação em carater de urgência da proposta "SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO" para publicação haja vista que a área está sendo requerida para exploração de calcário e segundo o que eu apurei já em vias de aprovação. Já comuniquei o fato às autoridades competentes mas até o momento não obtive resposta da providencias tomadas. Espero que sob a édige do SIGEP, a área passe a ter o devido respeito assim como as demais, já que envolve diretamente os órgãos responsaveis pela preservação patrimônio geo-espeleológico a área possui um importante aspecto paisagistico e hospeda uma das maiores e mais conhecidas cavernas do Rio Grande do norte, como foi tema de minha monografia de graduação, posso eu mesmo descrevê-la junto a colaboração dos demais co-autores. Aproveitando o ensejo, gosratia de saber se a descrição do sitio da Chapada do Apodi foi recebida corretamente e se já está sendo avaliada.
uma abraço, Joaquim das Virgens


De: Manfredo Winge [mailto:mwinge@terra.com.br]
Enviada em: sexta-feira, 10 de junho de 2005 11:13
Para: Mylène Luíza Cunha Berbert-Born (berbert@terra.com.br); Clayton de Souza Pontes (clayton.pontes@mme.gov.br); Diogenes de Almeida Campos (dac@abc.org.br)

Cc: Ricardo José Calembo Marra (ricardo.marra@ibama.gov.br); Antônio Carlos Sequeira Fernandes (acsfernandes@aol.com); Carlos Schobbenhaus (schobben@df.cprm.gov.br); Clayton Ferreira Lino (cflino@uol.com.br); Emanuel Teixeira de Queiroz (emanuel@dnpm.gov.br); Manfredo Winge (mwinge@terra.com.br); 'Carlos Fernando de Moura Delphim (delphim@iphan.gov.br)'; 'Celia Maria Corsino (corsino@iphan.gov.br)'; 'Célia Regina de Gouveia Souza (celia@igeologico.sp.gov.br)'; 'Isolda dos Anjos Honnen (isolda@iphan.gov.br)'

Assunto: ENC: SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO
Prioridade: Alta

URGENTE

Prezados Mylène e Clayton, representantes da SBE na SIGEP, e Diógenes (presidente SIGEP),

1- Tendo em vista as informações abaixo sobre o possível risco de depredação de um potencial sítio espeleológico bem como a urgência colocada, não seria o caso da SIGEP oficiar a respeito a Sociedade de Espeleologia, o DNPM e o IBAMA(?) de imediato, independentemente de aprovarmos a descrição proposta?

2- Poderíamos solicitar logo a votação dos demais membros para aprovar ou não a proposta de descrição deste sítio? Lembro que foram sugeridas (ver página da proposta) avaliações especializadas de espeleologia, inclusive referida a possibilidade de vir a se tornar um Geoparque (http://www.unb.br/ig/sigep/propostas/SistemaCavernasSerraMartins.htm).

Manfredo
c/c SIGEP

Manfredo Winge
mwinge@terra.com.br - manfredo@unb.br


De: Mylène Berbert [mailto:berbert@terra.com.br]
Enviada em: sábado, 11 de junho de 2005 10:22
Para: Manfredo Winge; Clayton de Souza Pontes; Diogenes de Almeida Campos; dasvirgens@yahoo.com.br
Cc: Ricardo José Calembo Marra; Antônio Carlos Sequeira Fernandes; Carlos Schobbenhaus; Clayton Ferreira Lino; Emanuel Teixeira de Queiroz; 'Carlos Fernando de Moura Delphim'; 'Celia Maria Corsino'; 'Célia Regina de Gouveia Souza'; 'Isolda dos Anjos Honnen'
Assunto: RES: SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO

Prezados membros da Sigep.
1. Toda caverna está protegida por lei e não pode sofrer qualquer tipo de degradação. Qualquer mineração é obrigada a respeitar o afastamento mínimo (inicial) de 250 metros e apresentar estudos específicos para a obtenção do licenciamento ambiental. Bem, isso é o teórico. Mas, se o órgão ambiental já foi comunicado, como mencionado na mensagem do autor da proposta, resta-nos acompanhar atentamente as medidas cabíveis e os desdobramentos. De qualquer maneira, o chefe do Centro Nacional de Estudo, Proteção e Manejo de Cavernas (Cecav) é membro dessa comissão, representante formalmente indicado pelo Ibama, e está em cópia dessa mensagem. Uma vez ciente do risco sobre o patrimônio espeleológico, que cabe ao Cecav resguardar, certamente ele se obrigará tomar uma posição formal do fato, para não correr o risco de crime de responsabilidade (!). Ricardo, seria muito bom sabermos a sua opinião sobre esse fato!

2. Embora a situação transpareça risco iminente, carece-nos saber, além da questão da aprovação do requerimento junto ao DNPM, o andamento do licenciamento ambiental (Ricardo?...). Afinal, é perfeitamente possível um EIA que elucide sobre meios de preservação da caverna e de sua área de influência.

Vejam bem, não estou querendo que fiquemos apenas a observar. Mas devemos ter o cuidado de nos cercar de todas as informações que nos permitam tomar uma posição que não leve ao prejuízo injusto de ninguém. De imediato, minha sugestão seria formalizar junto ao DNPM e IBAMA que a SIGEP foi comunicada sobre o risco potencial que estaria sujeito um sítio geológico que é candidato à listagem brasileira dos sítios geológicos e paleobiológicos de maior relevância. Isso por si só deduz sobre a importância do local e sobre a atenção do público.

3. Sobre a aprovação do sítio, tenho que reconhecer que não consegui até agora elementos (informações) suficientes para me ajudar numa conclusão. Afinal, estamos selecionando os sítios brasileiros mais relevantes, tendo como premissa um estado razoável de conservação. Busquei muito por fotos; talvez o autor da proposta possa enriquecer a sua justificativa com imagens... De qualquer forma, vou levar a proposta o mais rápido possível até a SBE, para que todos os sócios possam opinar abertamente. Em princípio, tenho uma tendência à sua aprovação, não como sítio espeleológico em prol da caverna Casa de Pedra em si, que consta estar bastante degradada, mas pelo conjunto paisagístico e turístico que é descrito. Vejo que há um aspecto que pesa bastante a favor da aprovação do sítio, que é o critério da regionalidade. Ou seja, estamos diante "de uma das maiores e mais conhecidas cavernas do RN...", tratando-se de um pólo de interesse.

Bem, essas são as considerações "urgentes" que me foram demandadas.

Abraços a todos.

Mylène Berbert-Born


De: Mylène Berbert [mailto:berbert@terra.com.br]
Enviada em: sábado, 11 de junho de 2005 11:26
Para: Sbe SBE
Cc: diretoria@sbe.com.br; Manfredo Winge
Assunto: SIGEP - SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO

Prezados amigos da SBE
Como representante da entidade junto à Comissão Brasileira dos Sítios Geológicos e Paleobiológicos-SIGEP, gostaria de convocar todos os sócios a opinarem a respeito da proposta de inclusão do sítio "SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO" na listagem brasileira dos sítios geológicos e paleobiológicos de maior relevância, cujas características, justificativas e autores da proposta podem ser consultados no endereço http://www.unb.br/ig/sigep/propostas/SistemaCavernasSerraMartins.htm )

Cabe aos sócios, entretanto, tomar total ciência sobre os objetivos e normas da SIGEP, também constantes no mesmo endereço, salientando que a sua principal atribuição é a indicação dos sítios brasileiros para compor a "Global Indicative List of Geological Sites-GILGES", a qual serve de base para a Lista do Patrimônio Mundial ("World Heritage List") da UNESCO.

Peço uma certa urgência na acolhida das opiniões, considerando que o autor da proposta emitiu recentemente denúncia de que o sítio proposto poderá vir a ser ameaçado por mineração, conforme termos da sua mensagem, a qual que segue abaixo juntamente com as demais conversações da SIGEP.

Aproveito para estender um convite para que todos acompanhem pela página da SIGEP o andamento de outras proposições relativas a sítios espeleológicos, já aprovadas ou pendentes de aprovação, participando mais ativa e abertamente dos trabalhos da Comissão.

Atenciosamente,
Mylène Berbert-Born


De: Joaquim das virgens [mailto:dasvirgens@yahoo.com.br]
Enviada em: domingo, 12 de junho de 2005 04:00
Para: Mylène Berbert; Manfredo Winge; Clayton de Souza Pontes; Diogenes de Almeida Campos
Cc: Ricardo José Calembo Marra; Antônio Carlos Sequeira Fernandes; CarlosSchobbenhaus; Clayton Ferreira Lino; Emanuel Teixeira de Queiroz; 'Carlos Fernando de Moura Delphim'; 'Celia MariaCorsino'; 'Célia Regina de Gouveia Souza'; 'Isolda dos Anjos Honnen'; joialivia@hotmail.com
Assunto: solução ou problemas para nosso patrimônio

Caros Geocientistas,

a noticia de jornal em anexo ( http://www.tribunadonorte.com.br/econom/eco1.html ) me fez pensar até que ponto as nossas cavernas estão realmente a salvo. Como aqui no estado é um patrimonio muito pouco conhecido, é muito fácil depredá-lo o quem sendo feito por pedreiras clandestinas. Diga-se de passagem, qua as principais cavernas do estado estão situadas em grandes esposições da calcário, de braços abertos praticamente dizendo "me explorem, sou facilimo de ser lavrado!" tendo esse tipo de exposição quem se preocuparia em lavrar calcário sub-aflorante? talvez por esse motivo as áreas de preservação de cavernas estejam sendo requeridas... e liberadas! Quando se tem muito dinheiro envolvido torna-se mais dificil barrar a depredação.
e ai? que fazemos? esperamos iniciar a lavra para tomar atitudes ou nos movimentamos agora e previnimos o pior de acontecer?
Penso que o correrá aqui com as cavernas o que ocorreu com os mangues devido a carssinicultura.

Joaquim das Virgens


From: Sbe SBE
To: Sbe SBE
Sent: Monday, June 13, 2005 4:19 PM
Subject: Fw: SIGEP - SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO - RN

Caros sócios,

Segue abaixo a mensagem de nossa sócia e representante da SBE no SIGEP, Mylène Berbert-Born.
Todos que puderem opinar, favor fazê-lo o mais rápido possivel.

[] Marcelo Rasteiro
SBE (19) 32965421


From: Solon R. Almeida Netto
To: Sbe SBE
Sent: Monday, June 20, 2005 11:18 PM
Subject: Re: SIGEP - SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO - RN

À Sociedade Brasileira de Espeleologia,

Em atenção à consulta que nos foi direcionada, para fins de avaliação do posicionamento da representante da SBE na comissão do SIGEP, passamos a tecer as seguintes considerações:
A região da Serra de Martins, conforme indicado nas justificativas da proposta, realmente engloba uma série de cavernas associadas a lentes de mármore. Data de longa data a descrição do sítio, que chamava atenção tanto pelas belezas naturais, como pelas cavernas, dentre as quais se destaca a Casa de Pedra de Martins. Citemos as pesquisas de Jacques Moraes, "Serras e Montanhas do Nordeste", 1924, e ainda as pesquisas Larroche, "O Sítio Arqueológico da Casa de Pedra no Município de Martins-RN", 1988, que detalha as escavações realizadas na caverna e as descobertas sobre a primitiva ocupação humana da região. A beleza da região e em especial da citada caverna ficou ainda imortalizada nos versos do famoso poeta potiguar Henrique Castriciano, no poema, "Na Solidão", de 1894.
Em termos espeleológicos e geológicos, tais cavernas já foram amplamente documentadas em diversos trabalhos, dos quais listamos em termos de pioneirismo descritivo do sítio, aquele desenvolvido pelo CERN, em 1993, quando foram levantados dados históricos sobre a principal caverna da região - a Casa de Pedra de Martins - além de seu mapeamento completo. Após tal estudo, ao final dos anos 90, listem-se ainda várias publicações locais tanbém de cunho descritivo, em eventos promovidos pela UFRN, tendo sido pelo menos uma dessas pesquisas levada a evento nacional, conforme Santos, 2001, "Localização e Mapeamento Topográfico de Cavernas Existentes em Mármores da Formação Jucurutu no município de Martins, Rio Grande do Norte". Por fim, não podemos deixar de considerar a monografia de Virgens Neto, 2004, efocando aspectos geo-espeleológicos da região.
E por ser uma região de rara beleza natural, apresentando microclima serrano no coração do semi-árido nordestino, a Serra de Martins atrai anualmente milhares de turistas para desfrutar de suas belezas naturais, o ecoturismo, ou simplesmente se deixar à tranquilidade da Serra. Isso faz do Município um dos pólos do turismo no interior do RN.
O número de visitantes que se destinam à caverna por ano nunca foi calculado com precisão, pelo caráter aleatório da atividade. Marra, 2001, em seu clássico livro sobre espeleoturismo, nos indica o valor de 8.543 pessoas/ano. O número, porém, não possui qualquer embasamento científico. Isto afirmamos com certeza. Provavelmente foi obtido da consulta à Prefeitura Municipal, pois quando estivemos realizando prospecções no Município em meados dos fins de 2001, nos foi indicado um valor aproximado aos 8.000 turistas/ano. A única estatística que podemos afirmar é que certamente a Casa de Pedra de Martins só está atrás em termos de vistação, no Nordeste brasileiro, à Gruta de Ubajara, inserida no PARNA de Ubajara-CE, o que por si só, demonstra a relavância da caverna.
Tal fluxo turístico, porém, por ser completamente desprovido de uma firme intervenção estatal, desenvolve-se, como na maioria do Brasil, em detrimento do patrimônio natural. O patrimônio espeleológico de Martins está inserido dentro dos roteiros de "trilhas ecológicas" como uma atração a mais. E realmente, não se pode negar: aqueles que descem a Serra, deparam-se com um magnífico monumento natural - uma caverna no mármore, de amplos salões, que vaza um maciço de ponta a ponta, no meio da catinga sertaneja bastante preservada. O problema ambiental surge, entretanto, quando se considera que tal fluxo de pessoas não possue acompanhamento de guias capacitados ou qualquer estudo que ateste a viabilidade do aporte. Além disso, por ser feito desregradamente, compromete a Casa de Pedra de Martins, ocasionando lixo, pichações e quebra de espeleotemas. Não se pode dizer que a situação da Casa de Pedra de Martins seja irrecuperável. Não, pelo contrário, se fosse assim, ela não continuaria atraindo o fluxo de pessoas que atrai anualmente, mas em termos espeleológicos, suas paredes encontram-se muito pichadas e alguns dos mais importantes espeleotemas foram literalmente retirados de dentro da caverna (e ninguém até hoje sabe como!).
Some-se a tais argumentos o fato de a Casa de Pedra de Martins, expressão máxima do sistema proposto ao SIGEP, ser uma das mais expressivas cavernas em mármore do Brasil segundo o CNC/SBE.
Contudo, conforme já relatado e alertado pelo autor da proposta, as cavernas da região correm perigo. A informação não é recente. Os principais e clássicos inimigos da região são o turismo desordenado e o desmatamento, conforme tivemos a oportunidade de atestar em 2001. O primeiro pelas razões já justificadas. O segundo, por avançar por áreas de preservação permanente, como encostas da Serra, e mesmo dentro dos 250 metros do entorno da poligonal de preservação permanente de algumas cavidades, incluindo a citada Casa de Pedra de Martins, inclusive com alterações antrópicas envolvendo construções.
O fato é do conhecimento das autoridades federais e estaduais ambientais. As primeiras, representadas pelo IBAMA, cujo órgão possui representação local do CECAV, desde a instalação regional do escritório, no ano de 2000, nunca dirigiu uma efetiva ação para reverter o citado quadro. Quando do cadastramento geral das cavidades conhecidas pelos grupos espeleológicos do RN, junto ao CECAV/RN, foram feitas algumas visitas à região, as quais, inclusive, tivemos a oportunidade de acompanhar em campo através de termo de cooperação técnica (Termo de Cooperação IBAMA-SEPARN, n.º 001/00, Sup. Est. IBAMA/RN). Contudo, tais visitas, tiveram como único objetivo a alimentação do banco de dados do órgão, não tendo - concretamente - acionado os responsáveis pela degradação ambiental que vinha - e vem - sendo perpetrada contra o meio ambiente.
Questionado sobre o problema, o mesmo órgão, CECAV, nos relatou que a orientação nacional dada às representações estaduais era para que agissem sem pulverizar suas ações. Como à época o CECAV estava envolto noutros projetos, Pedra de Abelha e Jandaíra (vide www.ibama.com.br/cecav), não tinha condições de abarcar o problema de Martins. Essa foi a explicação do órgão.
Por outro lado, o órgão gestor ambiental estadual, nunca deu importância para as cavernas do RN. Afirmamos isso categoricamente, pois, atualmente, o mesmo órgão - IDEMA-RN - promove o licenciamento em áreas cársticas, sem SEQUER, contemplar na exigência de estudos prévios, o item espeleologia. Ou seja, o licenciamento ambiental no RN é feito sem se considerar as cavernas, como se a região do RN não apresentasse uma única cavidade natural, o que é ao nosso ponto de vista, um absurdo!
Em contato pessoal e informal com o Ministério Público da Comarca de Martins-RN, em 2004, nos foi dito pelo titular da promotoria, Dr. Ivanaldo Silva, que o mesmo estava estudando ingressar com uma ação civil pública para solucionar juridicamente o problema ambiental da Casa de Pedra de Martins. Depois disso, não tivemos mais notícia do caso.
Por fim, em data recente, o autor da proposta ao SIGEP identificou e levantou junto ao DNPM a intenção já formalizada e aceita pelos órgãos estatais de mineradoras atuarem nas áreas de caverna da região.
Por tudo isso, somos favoráveis à inclusão do sítio no SIGEP, com a aceitação integral da proposta capitaneada por Joaquim das Virgens Neto.

Por fim, alertamos que os fatos acima narrados não são do conhecimento amplo da comunidade espeleológica nacional. Isso porque o patrimônio espeleológico do RN ainda é muito pouco conhecido/estudado pela comunidade espeleológica nacional. Portanto, avisamos que caso a coleta de opiniões não surta quantitativamente o efeito esperado, considere-se o fato. Pedimos, ainda, desculpas pela demora na resposta e para quaisquer outros esclarecimentos, colocamo-nos inteiramente à disposição.

Solon Rodrigues de Almeida Netto
SBE 1502


De: Manfredo Winge [mailto:mwinge@terra.com.br]
Enviada em: quinta-feira, 23 de junho de 2005 10:11
Cc: Joaquim das Virgens Neto (dasvirgens@yahoo.com.br)
Assunto: RES: SIGEP - SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO - RN

Prezada Mylène e demais membros da SIGEP,
face ao exposto por Solon Rodrigues sócio da SBE sugiro a aprovação do sítio e sua descrição pelo autor proponente, seguindo as Instruções para os Autores da SIGEP.
Obs. O nome CASA DE PEDRA DE MARTINS indicado no parecer não poderia compor o título? Ex. "DISTRITO ESPELEOLÓGICO CASA DE PEDRA DE MARTINS / RN" ??
Saudações
Manfredo
Representante SBG
c/c proponente


De: Joaquim das virgens [mailto:dasvirgens@yahoo.com.br]
Enviada em: domingo, 26 de junho de 2005 21:41
Para: Manfredo Winge; 'Mylène Berbert'; 'Ricardo José Calembo Marra'; 'Antônio Carlos Sequeira Fernandes'; 'Carlos Schobbenhaus'; 'Clayton Ferreira Lino'; 'Emanuel Teixeira de Queiroz'; 'Carlos Fernando de Moura Delphim'; 'Celia Maria Corsino'; 'Célia Regina de Gouveia Souza'; 'Diogenesde Almeida Campos'; 'Isolda dos Anjos Honnen'

Assunto: Re: RES: RES: SIGEP - SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO -RN

Caro Manfredo e demais geocientistas,

a minha decisão de iniciar a descrição do citado sítio não decorre do fatro de ser ou não aprovada e sim para evitar surpresas futuras. como estou com tempo de certa forma livre, prefiro fazê-la agora do que depois quando estarei dedicado a elaboração da minha dissertação de Mestrado. Independente da proposta ser ou não aprovada, já estarei com uma descrição pronta para possiveis usos futuros. Caso seja aprovada, será imediatamante encaminhada caso contrario, para algum recurso local deverá servir, senão, de que adianta preservar esta que é uma das mais importantes áreas espeleológicas do estado? Pelo menos minha parte já foi feita.
uma abraço, Joaquim das Virgens


De: Acsfernandes@aol.com [mailto:Acsfernandes@aol.com]
Enviada em: segunda-feira, 25 de julho de 2005 08:06
Assunto: Re: Propostas pendentes
.........
4) sobre o sítio Sistema de cavernas do Martins, em face das discussões apresentadas, sugiro a aprovação do mesmo.
......

Antonio Carlos
Representante da SBP


De: angelo_spoladore [mailto:angelo_spoladore@sercomtel.com.br]
Enviada em: quinta-feira, 2 de novembro de 2006 14:13
Assunto: parecer sobre a proposta sistema de caverna serra do martins
 
Somos pela aprovação da referida prospota.
Acredito ainda que devemos dar prioridade a este proposta devido à sistuação relatada pelos autores.
________________________________
Prof. Angelo Spoladore
SBE

De: ricardolatge@petrobras.com.br [mailto:ricardolatge@petrobras.com.br]
Enviada em: terça-feira, 24 de julho de 2007 18:25
Assunto: SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO

Pelo conjunto de anexos à proposta, a princípio, sou favorável à inclusão deste sítio. Infelizmente, a descrição não está clara. Só pude conhecer detalhes e formar juízo sobre a área depois de ler o correio do Sr. Solon. Quero reforçar a preocupação manifesta por um dos avaliadores quanto a necessidade de delimitar bem a abrangência da área de interesse para os propósitos do SIGEP, de forma a não prejudicar a atividade mineradora na região.
Saudações
Ricardo
Representante Petrobrás


De: Manfredo Winge [mailto:mwinge@terra.com.br]
Enviada em: terça-feira, 24 de julho de 2007 19:23
Para: Vanildo Pereira da Fonseca (vanildo@geologia.ufrn.br); Francisco William da Cruz Jr. (cbill@usp.br); Joaquim das Virgens Neto (dasvirgens@yahoo.com.br); Kleberson de Oliveira Porpino (kporpino@yahoo.com.br); Reinaldo Antônio Petta (Petta@geologia.ufrn.br); Thomas Ferreira da Costa Campos (tcampos@geologia.ufrn.br)
Assunto: ENC: Proposta SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS

Prezados proponentes,
pelo quadro de votação, a SIGEP está em vias de aprovar a proposta de sítio de vocês, mas temos alguma questões que foram levantadas conforme pode ser visto na página da proposta
( http://www.unb.br/ig/sigep/propostas/SistemaCavernasSerraMartins.htm ); entre outras destacamos:

- necessidade de definir bem a abrangência do sítio dentro do princípio de área de proteção de cavernas (250 m em volta=>parecer da colega Mylène) para limitar, mas não tolher, atividades mineradoras do mármore que pudessem destruir o sítio;
- enviar elementos adicionais (bibliografia consultada com destaque à dos autores e foto, por exemplo) que deem uma melhor idéia do sítio e dos trabalhos científicos realizados pelos proponentes (ver modelo de formulário revisado da SIGEP);
- o sítio poderá vir a ser aprovado, mas como o autor principal está devendo a revisão total de artigo sobre outro sítio (junto com seus coautores), a aprovação da candidatura para a descrição do artigo pelo proponente e seus coautores ficará suspensa até ser resolvida essa questão com a aprovação do outro artigo (Distrito Espeleológico Chapada do Apodi - RN :  http://www.unb.br/ig/sigep/propostas/DistritoEspeleologicoChapada_Apodi.htm )
Saudações geológicas
Manfredo
c/co SIGEP e coautores do outro artigo
Manfredo Winge
Representante da SBG na SIGEP


De: Celia Regina de Gouveia Souza [mailto:celia@igeologico.sp.gov.br]
Enviada em: quarta-feira, 25 de julho de 2007 13:23
Assunto: Re: Votos - Propostas em estudo e ...

Seguem os votos da ABEQUA em relação aos sítios que não havia dado o parecer.
 

SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO (proponente deve revisão completa de outro sítio) - FAVORÁVEL. Muito interessante e de importância por apresentar vários fenômenos geológicos, geomorfológicos, arqueológicos e antropológicos. Conheço apenas um dos proponentes e o considero competente para a realização de um excelente trabalho.

......
Celia


De: Manfredo Winge [mailto:mwinge@terra.com.br]
Enviada em: quinta-feira, 26 de julho de 2007 18:12
Para: Vanildo Pereira da Fonseca (vanildo@geologia.ufrn.br); Francisco William da Cruz Jr. (cbill@usp.br); Joaquim das Virgens Neto (dasvirgens@yahoo.com.br); Kleberson de Oliveira Porpino (kporpino@yahoo.com.br); Reinaldo Antônio Petta (Petta@geologia.ufrn.br); Thomas Ferreira da Costa Campos (tcampos@geologia.ufrn.br)
Assunto: Proposta de sítio CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS, RN - APROVADA
 
 Prezados Joaquim e coproponentes,
 
 seguindo as normas da SIGEP, comunico, com satisfação, que  com o voto da ABEQUA a sua proposta de sítio e compromisso de descrição foram aprovados conforme pode ser visto na própria página da proposta:
Gostaria de lembrar que nessa página constam sugestões  e questões colocadas ao autor principal com relação a outro sítio (praticamente mesmos autores) para o qual falta a revisão do artigo.

Tendo em vista o tempo que passou entre a proposta e esta aprovação, favor confirmar se é mantida a candidatura dos mesmos autores indicados à elaboração do artigo científico sobre o sítio informando, também, a data provável de entrega da 1a minuta para que
o sítio passe  a ser relacionado na lista de propostas aprovadas (http://www.unb.br/ig/sigep/quadro.htm) com os autores indicados/confirmados .
Solicitamos leitura atenta das instruções aos autores que sofreram algumas pequenas inclusões; destacamos:
- enviar em Word em uma coluna só, mas já no formato geral especificado e tipos de letras determinados (faremos a editoração final em duas colunas após a revisão final e aprovação do artigo);
- versão em inglês somente depois do artigo ser aprovado;
- uma ou duas fotos de página inteira para Fig. 01 significativa e bonita que retrate da melhor forma possível o sítio;
- todas as figuras e fotos, com ótima resolução e QUALIDADE a melhor possível, deverão ser enviadas em arquivos separados após a aprovação e disponibilização do artigo na internet; entretanto, elas podem ser incluídas inicialmente no texto com resolução rebaixada (~ 100 dpi) para o pre print na internet;
-
providenciar minicurrículo  e uma foto  tipo 3x4 de cada  um dos autores ;
- desdobrar, na medida do possível, o capítulo MEDIDAS DE PROTEÇÃO nos ítens indicados;
- ver detalhes e todas outras orientações em:
http://www.unb.br/ig/sigep/InstrucoesAutores.htm 
 Aguardamos  as informações para registrar a proposta no quadro das aprovadas. 
Manfredo
p/corpo editorial
Manfredo Winge
Representante da SBG na SIGEP:

De: Manfredo Winge [mailto:mwinge@terra.com.br]
Enviada em: segunda-feira, 21 de janeiro de 2008 10:10
Assunto: RES: Parecer e votos das Propostas
Prezados colegas da SIGEP,
 ............
 
Além disso, considerando a falta de respostas a emails enviados aos proponentes (ver o último e-mail enviado em anexo), o sítio abaixo já aprovado por quorum, sugiro a disponibilização do sítio para outros autores:
 
SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORN0, RN => APROVAÇÃO DO SÍTIO E DISPONIBILIZAÇÃO PARA OUTROS AUTORES
 
Se algum dos colegas tiver alguma posição contrária a essas sugestões de encaminhamento, favor informar
 
Manfredo Winge
Representante da SBG na SIGEP
2008 - ANO INTERNACIONAL DO PLANETA TERRA - AIPT

De: Joaquim das virgens [mailto:dasvirgens@yahoo.com.br]
Enviada em: quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008 10:01
Para: Manfredo Winge
Assunto: Re: ENC: Parecer e votos das Propostas
Caro Manfredo,
peço desculpas pelo lapso e pela falta de noticias minhas a respeito do sítio proposto.
Sobre o Sítio da Chapada do Apodi, ocorreu conforme já haviamos tratado, sem problemas.
Quanto ao de Martins, A área foi tema de minha graduação e não teria problemas em preparar o artigo.
Assim Peço que mantenha os atuais autores
já anotei aqui na mesa. assim que estiver uma primeira versão eu envio para apreciação.
grato,
Joaquim das Virtens - CPRM/RETE


De: Manfredo Winge [mailto:mwinge@terra.com.br]
Enviada em: quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008 17:39
Para: 'Joaquim das virgens'
Cc: Vanildo Pereira da Fonseca (vanildo@geologia.ufrn.br); Francisco William da Cruz Jr. (cbill@usp.br); Kleberson de Oliveira Porpino (kporpino@yahoo.com.br); Reinaldo Antônio Petta (Petta@geologia.ufrn.br); Thomas Ferreira da Costa Campos (tcampos@geologia.ufrn.br)
Assunto: RES: ENC: Parecer e votos das Propostas
 
Prezado Joaquim,
 
tendo em vista que a proposta foi formulada há muito tempo, solicitamos:
1- informar se o colega continua como proponente a autor principal confirmando os dados solicitados no formulário mais atualizado (ver http://www.unb.br/ig/sigep/formulario.htm ):
Nome completo:
Endereço p/ postagem:
Instituição:
Fax:
Telefone:
e-mail:
Endereço curriculum Lattes:
2- confirmar se os coautores são os listados abaixo e se estão na ordem correta de importância,
3- informar a quais instituições eles estão ligados,
4- informar se os e-mails abaixo são os mais permanentes e de melhor uso para comunicação com a SIGEP,
5- encaminhar minicurrículos de todos os candidatos a autores (até 120 palavras incluindo o nome completo) com foto tipo 3x4,
6- se necessário revisar tópicos do formulário como Situação atual de conservação do sítio,
7- encaminhar listagem bibliográfica atualizada com destaque para as publicações com participação dos proponentes,
8 - data de provável entrega da minuta do artigo.
Coautores e ordem de importância??
Vanildo Pereira da Fonseca - vanildo@geologia.ufrn.br 
Reinaldo Antônio Petta - Petta@geologia.ufrn.br ;
Thomas Ferreira da Costa Campos - tcampos@geologia.ufrn.br
Kleberson Porpino - kporpino@yahoo.com.br
Francisco William da Cruz Junior - cbill@usp.br;
Aproveito para sugerir que o nome do sítio seja alterado valorizando a caverna principal e mais conhecida, p.ex.:
SISTEMA DE CAVERNAS CASA DE PEDRA, SERRA DOS MARTINS, RN
 
Aguardamos os dados e as respostas
Abraços
 Manfredo
p/ equpe editorial

Manfredo Winge
Representante da SBG na SIGEP


De: Joaquim das virgens [mailto:dasvirgens@yahoo.com.br]
Enviada em: segunda-feira, 24 de março de 2008 14:57
Assunto: Re: RES: propostas pendentes

Ola Manfredo

Estou providenciando os dados que me solicitou. peçoque aguarde mais alguns dias. Por esses dias derepente apareceu um monte de coisas pra eu dar conta mas já to quase acabando.
grato, Joaquim das Virgens


De: Manfredo Winge [mailto:mwinge@terra.com.br]
Enviada em: segunda-feira, 24 de março de 2008 15:02
Para: 'Joaquim das virgens'
Assunto: RES: RES: propostas pendentes

Prezado Joaquim,
favor somente preencher o formulário que foi revisado
Manfredo Winge
Representante da SBG na SIGEP


De: Manfredo Winge [mailto:mwinge@terra.com.br]
Enviada em: segunda-feira, 17 de novembro de 2008 14:02
Para: 'Francisco William da Cruz Jr. (cbill@usp.br)'; 'Joaquim das Virgens Neto (dasvirgens@yahoo.com.br)'; 'Kleberson de Oliveira Porpino (kporpino@yahoo.com.br)'; 'Reinaldo Antônio Petta (Petta@geologia.ufrn.br)'; 'Thomas Ferreira da Costa Campos (tcampos@geologia.ufrn.br)'; 'Vanildo Pereira da Fonseca (vanildo@geologia.ufrn.br)'
Assunto: ENC: REAPRESENTAR PROPOSTA
Prioridade: Alta

Ref. http://www.unb.br/ig/sigep/propostas/SistemaCavernasSerraMartins.htm
ref. http://www.unb.br/ig/sigep/formulario.htm

 Prezado Joaquim,
não recebemos resposta ao e-mail abaixo.
Assim, considerando as questões levantadas na página da proposta indicada acima, solicitamos a re-apresentação da mesma com preenchimento do formulário da SIGEP.
Caso tenha(m) desistido da descrição do sítio, favor informar com urgência para que possamos disponibilizá-lo para outros cientistas que o tenham estudado.
Cordiais saudações

Manfredo
c/c SIGEP
Manfredo Winge
Representante da SBGeo na SIGEP


PLANILHA DE

AVALIAÇÃO FINAL DE PROPOSTA
DE DESCRIÇÃO DE SÍTIO GEOLÓGICO - PALEOBIOLÓGICO

Nome do Sítio:  SISTEMA DE CAVERNAS DA SERRA DO MARTINS E SEU ENTORNO 
Proponente: 
Joaquim das Virgens Neto - dasvirgens@yahoo.com.br ; Vanildo Pereira da Fonseca - vanildo@geologia.ufrn.br ; Reinaldo Antônio Petta - Petta@geologia.ufrn.br ; Thomas Ferreira da Costa Campos - tcampos@geologia.ufrn.br; Kleberson Porpino - kporpino@yahoo.com.br ;Francisco William da Cruz Junior - cbill@usp.br

Considerando os pareceres, comentários e réplicas constantes na página da proposta, as instituições membros da SIGEP, assim se pronunciam, através de seus representantes, quanto à proposta em epígrafe

INSTITUIÇÃO

PARECER
Favorável
Não favorável 
Abstenção
Restrições/Exigências
Não se pronunciou
[embranco]

Academia Brasileira de Ciências – ABC  
Associação Brasileira de Estudos do Quaternário – ABEQUA Favorável
Departamento Nacional de Produção Mineral – DNPM Favorável
Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística-IBGE  
Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis– IBAMA  
Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN  
Petróleo Brasileiro SA - PETROBRÁS Favorável / Restrições
Serviço Geológico do Brasil – CPRM

 

Sociedade Brasileira de Espeleologia – SBE

Favorável

Sociedade Brasileira de Geologia – SBG

Favorável/Exigências

Sociedade Brasileira de Paleontologia – SBP

Favorável